Notícias

Compartilhe:

Qual é a sua moto?

Qual é a sua moto?

Qual a melhor opção: roda raiada ou de liga-leve?

Conheça as diferenças e a utilização indicada para cada tipo de roda As rodas são componentes vitais para o desempenho da motocicleta, influenciando a segurança e o conforto do piloto e garupa. As motos são equipadas com rodas raiadas ou de liga-leve. A dúvida sobre qual o melhor tipo sempre gera discussões acaloradas nas redes sociais quando se fala em rodas… Mas a questão não é tão simples assim. Conversamos com especialistas para descobrir as diferenças e para qual uso cada tipo de roda é indicado. Confira.

Aonde você vai rodar?

“Quem pretende fazer uma expedição e percorrerá longos trechos fora-de-estrada estará mais seguro com uma moto equipada com rodas raiadas”, afirma o mecânico Alessandro Hernandes, da Lê Motos, loja e oficina em Bragança Paulista (SP). Segundo o profissional, a roda raiada é mais resistente. Em caso de impacto a energia é absorvida pelos raios que são entrelaçados e ligam o aro (de aço ou alumínio) ao cubo. E, mesmo quando danificada, a roda raiada pode ser reparada.

A desvantagem é o maior peso da roda raiada quando comparada às de liga leve, e a necessidade de manutenção. O aperto dos raios deve ser conferido periodicamente. A limpeza também é mais complicada em uma roda raiada. Em alguns casos, o aro das rodas raiadas, principalmente se for de aço, pode sofrer corrosão (ferrugem) com o tempo.

Como usam apenas pneu com câmara (do tipo diagonal), em caso de furo é necessário retirar a roda para fazer o reparo. A tarefa, sempre demorada, ainda exige ferramentas adequadas e conhecimento técnico do piloto. Outra opção é procurar uma borracharia.

Mais leve

Já a roda de liga-leve tem como vantagens: menor peso, design diferenciando e pode usar pneu radial tipo tubeless, ou seja, que não usam câmara da ar. Esse tipo de pneu, além de permitir maior velocidade, ainda é mais resistente aos furos e deformações por conta de sua estrutura interna.

Exatamente por isso, praticamente todas as motos de maior desempenho são equipadas com rodas de liga-leve. Mas, em caso de furo, pode receber o conserto emergencial do tipo macarrão – feito diretamente no pneu e sem a necessidade de desmontar a roda. “Embora não seja indicado, muita gente faz o remendo e continua usando o pneu normalmente”, alerta Alessandro.

A roda de liga perde no quesito resistência para as raiadas. Em caso de fortes impactos, que causem danos ao aro ou ao centro da roda, ela não pode reparada. O material não permite que sejam feitas soldas e não é aconselhável desamassar a roda de liga-leve. “A solda aquece a liga que perde sua resistência”, avisa o profissional.

O melhor de dois mundos.

Algumas big-trails usam um tipo de roda que une o melhor dos dois mundos. É o caso da BMW R 1200 GS, Yamaha SuperTénéré e Triumph Tiger Explorer 1200 que são equipadas com rodas raiadas equipadas com pneus radiais, sem câmara de ar. Nesse tipo de roda os raios são fixados nas laterais ou em um ressalto no aro que, em sua maioria, são fabricados em alumínio. Mas por uma questão do alto custo dessas rodas – e dos pneus sem câmara – inviabilizam o uso desse tipo de roda em motos menores.

Nas redes sociais, há relatos de adaptações para usar um pneu sem câmara em rodas raiadas convencionais. “Mas não são confiáveis”, afirma Caio Varella, da Varella Pneus, loja especializada em pneus de moto em Piracicaba (SP). Segundo o Varella, “ainda não existe um kit que confiável e permita a fixação e vedação perfeita dos pneus em uma roda raiada sem que haja perda de pressão”. (Por Cicero Lima)

Fonte: Blog da Infomoto -  https://infomoto.blogosfera.uol.com.br/2017/10/29/qual-a-melhor-opcao-roda-raiada-ou-de-liga-leve/